Publicidade
MEIO FILTRANTE - Energia limpa abastece nova fábrica da Asperbras

Esta notícia já foi visualizada 323 vezes.

Energia limpa abastece nova fábrica da Asperbras

Data:12/3/2018

A GreenPlac, unidade que produz madeira certificada, tem fornecimento de energia de uma usina própria de biomassa

Água Clara, cidade de 15 mil habitantes, no Mato Grosso do Sul, vai ganhar a mais moderna fábrica de MDF do Brasil. A GreenPlac, subsidiária do Grupo Asperbras, será inaugurada oficialmente em abril, após um investimento que supera os R$ 600 milhões, nos últimos quatro anos. Seu funcionamento se dará por energia produzida por uma usina termelétrica que usa biomassa, de propriedade da empresa.

"A usina de Guarapuava (PR) utiliza como matéria prima os rejeitos de madeira da GreenPlac, em um sistema de autossuficiência e que produz energia limpa", explica o sócio-diretor José Maurício Caldeira, da Aspebras.

A venda dessa produção energética no Paraná gera recursos empregados para a compra de eletricidade no mercado do Mato Grosso do Sul. "A geração em Guarapuava tem capacidade igual à estimativa de necessidade de energia que teremos para produzir MDF", confirma José Maurício Caldeira.

Todos os números da GreenPlac são superativos. Ela está instalada em uma área de mais de 500.000m², com 40.000² de área construída. Deverá produzir, inicialmente, 250 mil metros cúbicos de MDF por ano. Suas instalações foram preparadas para receber mais duas linhas de produção. Sem necessitar de uma ampliação física, a unidade produzirá, brevemente, outros 650 mil metros cúbicos de MDF anuais.

A fábrica, construída em Água Clara, em meio a uma vasta região de floresta plantada, recebeu seus componentes industriais diretamente da Alemanha. Foram 450 contêineres de máquinas e equipamentos que compõem o processo de produção, totalmente automatizado. Sua operação depende da participação de 200 técnicos e operários, que receberam treinamento específico, por meio de uma parceria com o Senai de Três Lagoas (MS). Deverão ser gerados outros 500 empregos indiretos.

ENERGIA LIMPA

A produção de eletricidade por biomassa ocorre a partir da queima de materiais orgânicos, principalmente bagaço de cana, casca de arroz, cavaco de madeira e caroço de açaí. Especialistas a consideram sustentável, pois não causa danos ambientais. Sua combustão devolve à natureza apenas o carbono que a planta utilizou para crescer. Atualmente, termelétricas por biomassa representam 9% de toda geração elétrica do Brasil. A energia da biomassa deverá responder por 11% da matriz mundial em 2020, segundo estimativa da Agência Internacional de Energia.

Além disso, o Brasil possui grande potencial de crescimento para a energia por biomassa. O relatório Energy Outlook, da Agência Bloomberg, estima que o setor deverá receber investimentos de US$ 26 bilhões até 2040. Outras fontes alternativas de energia, como solar e eólica, também tendem a crescer nos próximos anos, influenciadas pela tendência de que grandes empresas, que geram a própria energia, troquem os combustíveis fósseis por fontes alternativas, de baixo impacto ambiental.


Fonte: www.noticias.dino.com.br

Comentários desta notícia

Publicidade