Sistemas de resfriamento: um processo essencial para a indústria
Edição Nº 86 - Maio/Junho de 2017 - Ano XVI
Esta notícia já foi visualizada 4098 vezes.


Sistemas de resfriamento: um processo essencial para a indústria



O controle da temperatura é uma prática essencial para a indústria. Isso porque, grande parte dos processos industriais, independente do segmento de mercado, gera calor em suas atividades, sendo necessário realizar a gestão da temperatura tanto para evitar danos aos processos, como para reduzir custos. 
Nesse contexto, os sistemas de resfriamento possuem um papel crucial para a indústria. “Ainda que pouco reconhecidos, os sistemas de resfriamento estão presentes em toda a indústria. Quase todos os processos na indústria de transformação são, ou geradores de calor, ou requerem a injeção de calor. Posteriormente, este calor deve ser retirado e daí a necessidade de um sistema de resfriamento.”, explica o gerente de vendas da WMF Solutions, Atilio Zottich.
Mais do que uma etapa do processo industrial, os sistemas de resfriamento oferecem benefícios importantes para o funcionamento das indústrias. “Muitos dos processos industriais em si requerem um controle estrito de temperatura em uma determinada parte do processo (reações exotérmicas ou lácteas, por exemplo). Além disto, um sistema de troca térmica, quando bem operado e controlado, aproveita ao máximo a transformação da energia térmica em outros tipos de energia. Por consequência, melhora (indiretamente) a produtividade além de reduzir custos operacionais (manutenções não programadas, por exemplo)”, afirma o diretor comercial da América Latina da Amiad, Leonardo Queiroz. Para realizar esse controle de temperatura, o mercado conta com sistemas de troca térmica como as torres de resfriamento e os chillers. 


Torres de resfriamento
Utilizadas em todo o mundo, as torres de resfriamento são equipamentos desenvolvidos para resfriar uma quantidade de água que já foi utilizada como meio de remover energia térmica em processos ou sistemas industriais. Estes circuitos para resfriamento da água são usados nos casos onde é impossível utilizar água fresca para refrigeração. “Torres de resfriamento são circuitos fechados no quais buscam resfriar a água pelos fenômenos de convecção natural e forçada”, explica Leonardo. 
As torres de resfriamento funcionam da seguinte forma: o fluido é resfriado pela troca térmica entre o líquido e o ar que passa dentro da torre de resfriamento. No topo da torre há um ...


AVISO

Para acessar esta matéria na íntegra é necessário estar logado.Clique aqui para realizar o seu cadastro!
Já tem login? clique aqui

Publicidade